Prazo de entrega é de até 150 dias. Além da reforma do Colégio Alberto Carazzai, que será o local da instalação do CPM, Fundepar anunciou melhorias no Colégio Monteiro Lobato

Cornélio Procópio – Foi assinada à ordem de serviço que autoriza as reformas do Colégio Estadual Alberto Carazzai, local que será instalado o Colégio da Polícia Militar (CPM) de Cornélio Procópio. A assinatura aconteceu no gabinete da Prefeitura com a presença de membros do Fundepar (Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional), José Roberto Ruiz, coordenador técnico, e Eduardo Medina, supervisor de engenharia da região norte, que revelaram ao Prefeito Amin Hannouche e aos presentes na reunião que além da reforma da sede do CPM, que deverá ser concluída em até 150 dias, o Instituto, através do Governo do Estado, também realizará uma completa reforma no Colégio Estadual Monteiro Lobato, sendo esta segunda obra marcada para ter início dia 10 de setembro.

“São conquistas que só acontecem em nossa cidade através da força política que temos nas esferas Estadual e Federal. A população muitas vezes desacredita do trabalho de políticos, mas é preciso reconhecer aqueles que realmente trabalham e olham para as necessidades e carências dos municípios. Temos trabalhado muito, e a cada conquista contamos com importantes ajudas e não foi diferente para conquistarmos o Colégio da Polícia Militar”, pontuou o Prefeito Amin Hannouche. Atualmente o Colégio da Polícia Militar é realidade apenas na capital do Estado, Curitiba e Londrina. Cornélio Procópio é a terceira cidade do Paraná a ser beneficiada com esta modalidade de ensino. Para o Coronel da Polícia Militar, Luiz Roberto Costa, o funcionamento de um colégio com disciplina militar irá proporcionar uma mudança social em todo o município. Ele acredita que o CPM irá se tornar modelo e estimulará ações de cidadania, conduta e disciplina que deverá, gradualmente, se expandir para os demais colégios por iniciativa dos próprios adolescentes.

Também estiveram presentes no ato da assinatura a vice-prefeita de Cornélio, Angélica Olchaneski, o engenheiro responsável pela reforma, Djalma Rocha, a chefe do Núcleo Regional de Educação, professora Maria Aparecida Ribeiro de Oliveira, a secretária municipal de educação, Maria Lídia Funari, o capitão da PM Juliano Baruso Berleze, o coordenador de escritórios regionais de esporte e turismo, Luciano Pozza, a diretora do Colégio Alberto Carazzai, Maria Cirlene Prandini Ricieri Ferraz, junto com funcionárias e professoras da unidade, equipe da SEMED (Secretaria Municipal de Educação) e imprensa. (Comunicação/Prefeitura)

IMG_8721-min.JPG

IMG_8729-min.JPG

IMG_8804-min.JPG

 

Obra deve absorver aproximadamente R$ 750 mil e beneficiará mais de 3,5 mil pessoas

Cornélio Procópio - A Companhia de Saneamento do Paraná, a Sanepar iniciou recentemente as obras de ligação de rede de água tratada no Distrito de Congonhas. Segundo o subprefeito Giancarlo Janoni os moradores poderão desfrutar nos próximos meses, de água tratada na estação de tratamento de Cornélio Procópio que redistribuirá a água até o Distrito, como é feito na sede do município. "Desde que nosso Distrito foi criado, nós não tínhamos água tratada da Sanepar. O Distrito utilizava uma mina de água, que com as chuvas, ficava suja e deixava todos sem a água. Este projeto vai permitir que os moradores recebam água tratada direto na sua caixa d'água como acontece com a rede existente na cidade. É sem dúvidas uma grande conquista para nossa comunidade, nestes 80 anos", comemora Giancarlo Janoni. Para o prefeito Amin Hannouche, o início do projeto de ligação de rede de água tratada no Distrito de Congonhas contempla uma das principais reivindicações dos seus moradores. "Vamos levar água tratada e rede de esgoto em uma segunda etapa para o Distrito de Congonhas. Todos os projetos já foram aprovados e em poucos meses, a população daquela localidade já poderá desfrutar destes benefícios importantes para melhorar a qualidade de vida das cercas de 3,5 mil pessoas que residem no nosso Distrito", afirmou o prefeito. (Comunicação/Prefeitura)

DSC_0042-min (1).JPG

Em reunião com o Superintendente Executivo Albari Alves de Medeiros do Paranacidade, Amin Hannouche confirmou recursos de R$ 1.500.000,00

Cornélio Procópio – O prefeito Amin Hannouche está em Curitiba para acompanhar a liberação de projetos e programas do Governo do Paraná para o município. Acompanhado do Secretário de Planejamento da prefeitura, Dirceu Funari, o prefeito se reuniu com o Superintendente Executivo do Paraná Cidades, Albari Alves de Medeiros. Segundo o prefeito, o superintendente confirmou que a Secretaria de Desenvolvimento Urbano deverá liberar ainda esta semana, recursos de R$ 1.500.000,00 que serão utilizados no projeto de Recuperação da Malha Viária de Cornélio Procópio, que vem sendo realizado com recursos próprios. “Nesta terça-feira, deveremos assinar o convênio para a liberação dos recursos que vamos utilizar nesta mega operação que vem melhorado a qualidade de vida de muitos procopense que residem no centro e nos bairros de nossa cidade”, afirmou o prefeito. Ele afirmou ainda que está percorrendo outras secretarias, diretorias e superintendências estaduais para acelerar a liberação de recursos para a conclusão de algumas obras estaduais e o início de outras que já estão com os projetos aprovados. “Como nossos projetos foram encaminhados antes do prazo que a Justiça Eleitoral determina para a liberação de recursos, estamos pleiteando o efetivo início e conclusão dessas obras”, disse o prefeito. O prefeito Amin Hannouche afirmou que todos os órgãos do governo estão empenhados em auxiliar as cidades que precisam dos recursos já garantidos. “Estamos muito contentes com a receptividade de todos os responsáveis pelas secretarias que estamos visitando”, concluiu Amin Hannouche. (Comunicação/Prefeitura)

foto amim (1).jpg

Serviços de terraplanagem estão sendo executados para a construção das primeira casas populares no distrito desde 1990

Cornélio Procópio – A Companhia de Habitação do Paraná iniciou recentemente as obras de construção de um novo conjunto habitacional no Distrito de Congonhas, em Cornélio Procópio. Segundo o prefeito Amin Hannouche, a construção de 94 casas populares está sendo feito em um terreno localizado às margens da rodovia que liga o distrito à BR 369, na entrada da localidade. Ele destacou que desde a década de 1990 não são construídas casas no distrito. Amin Hannouche confirmou que a prefeitura tem como contrapartida no projeto, a infraestrutura do novo bairro como asfalto e a iluminação. “Este novo Conjunto vem contemplar os moradores do Distrito de Congonhas depois de cerca de 30 anos. O novo bairro terá toda a infraestrutura necessária para os moradores, que aguardam com muita expectativa a conclusão das primeiras unidades”, disse o prefeito. De acordo com a Cohapar, os recursos para a construção das Casas Populares do Distrito de Congonhas, serão do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, o FGTS. O projeto será concluído em duas etapas, de 47 residências cada, sendo que os lotes, com cerca de 200 metros quadrados, terão casas com metragem de 38 e 50 metros quadrados. Também está definido que três unidades serão destinadas a deficientes físicos, com projeto de acessibilidade. A Cohapar informou ainda que cada unidade terá um preço de aproximadamente R$ 70 mil. O Gerente Regional da Cohapar de Cornélio Procópio, Tadeu Goulart destacou que cada morador deverá assumir um financiamento que dura em média 360 meses, com parcelas de aproximadamente R$ 300 por mês. “Mas poderá haver diferenciações, pois pessoas em situação de vulnerabilidade podem ter outros subsídios", disse. Os habitantes também serão beneficiados com a implantação da rede de água, que já foi iniciado e esgoto, que está com projeto finalizado. O Distrito de Congonhas conta atualmente com aproximadamente 3,5 mil habitantes e uma subprefeitura para atendimento á população. (Comunicação/Prefeitura)

DSC_0070 (1).JPG

DSC_0053 (1).JPG